Tag Archives: Curiosidades

O mundial em Matemática

Só mesmo os brasileiros para se lembrarem disto.

No âmbito do mundial de futebol (penso eu) descobri este pequeno jogo fantástico que mistura tabuada, futebol e labirintos.

Um jogador escolhe duas tabuadas e com a bola tem de percorrer os resultados (múltiplos das tabuadas que escolheu) até à baliza para marcar golo.

Fonte: http://revistaescola.abril.com.br/matematica/pratica-pedagogica/jogo-tabuada-428051.shtml

Anúncios

INIMIGO PÚBLICO – Boneco do Multibanco é apontado como o mais provável sucessor de Constâncio no Banco de Portugal

Até pela própria descrição, acho que o cargo ficava bem entregue, pelo menos teríamos uma vigilância mais apertada.

INIMIGO PÚBLICO – Boneco do Multibanco é apontado como o mais provável sucessor de Constâncio no Banco de Portugal.


Nintendo DS. A nova melhor amiga dos professores japoneses

Já tinha ouvido falar deste exemplo, tal como os iPhones em Universidades Americanas.

Qualquer dia vem a Sony patrocinar qualquer escola com a sua PSP.

A única coisa que vale nisto tudo (Classmate Magalhães à mistura) é que a industria se está a virar para novos públicos e que começam a “ver” a escola como um novo nicho de mercado, mas tal como na experiência do e-escolinhas não basta fornecer a tecnologia, é preciso fundamentalmente desenvolver conteúdos adequados ao público-alvo, e não nos podemos esquecer dos educadores/professores e pais, que também devem saber as suas funcionalidades e que não vejam este gadgets como “amas” das suas crianças.

Nintendo DS. A nova melhor amiga dos professores japoneses.


Quando a utilização de software livre nos faz inimigos do estado

Ao ler esta notícia não posso ficar mais estupefacto (sem bem que não me espanta tanto).

Estes senhores querem equiparar a utilização de software livre à pirataria pois impede o desenvolvimento da industria de software!

Realmente só lendo…

When using open source makes you an enemy of the state Technology guardian.co.uk.


Não é plágio, é corta e cola…

Tendo em conta a notícia, se a moda pega nos nossos meios académicos… (a moda de justificar o plágio, pois a moda do corta e cola já existe desde tempos imemoriais).

Não é plágio, é corta e cola…. ( fonte: ionline)